Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Black & gray

Porque a vida não é só "preto e branco". O cinzento também existe. E é a possibilidade de podermos optar pelo cinzento, em tantas situações, que torna a nossa vivencia tão rica.

Black & gray

Porque a vida não é só "preto e branco". O cinzento também existe. E é a possibilidade de podermos optar pelo cinzento, em tantas situações, que torna a nossa vivencia tão rica.

08.Ago.18

Noites de verão

Nunca gostei do verão, sobretudo dos dias de calor abrasadores em que não podia vir brincar para a rua com as minhas amigas, como habitualmente, e porque me lembra umas férias grandes em que a minha mãe (para entreter as filhas das amigas, na falta de ATL na época), decidiu criar um "workshop" de bordados que nos ocupava a tarde toda.

Mas as noites de verão entusiasmavam-me. Esperava sempre por uma noite quente para, depois do jantar, poder juntar-me com as minhas amigas e vizinhas.

Perto da casa onde vivi até casar existe um jardim, onde a maior parte dos habitantes do meu bairro (miúdos e graúdos), se juntavam e falavam dos mais variados temas. Nós, a criançada, raramente nos sentávamos e aproveitávamos para colocar em dia a brincadeira atrasada, que o workshop de bordados nos privou.

Lembro-me de um vizinho a quem chamávamos o "guarda nocturno" porque nestas noites era sempre o primeiro a chegar e o último a arredar pé do jardim. Vivia de noite e descansava de dia.

Tenho saudades desse tempo...

O jardim ainda existe, as noites de calor também e até o meu vizinho guarda nocturno ainda está entre nós.

Mas nada é como dantes. A vizinhança já não se junta para pôr em dia as cusquices e o guarda nocturno já se "aposentou". O jardim passou a ser um sitio impessoal, de passagem, sem histórias para contar.

Agora já nem das noites de verão gosto...